Aparas

Aparas

O apontamento de aparas é usado para aferir o rendimento de processos de corte de materiais, tais como metal, papel ou plástico.

Para fazer o apontamento de aparas, vamos assumir um exemplo prático: uma bobina de papel é cortada em folhas, gerando também aparas. Para aferir as aparas, cadastra-se um item APARAS.

Mesmo que a apara seja do mesmo material da bobina de origem, são cadastrados como itens diferentes.

Acrescentamos o item à estrutura de produto, marcando o checkbox “Apara”, o que indica que o material não entra, mas sai da elaboração do produto.

A estrutura de produto do milheiro de FL_PAPEL é:

O ícone “reciclar”, emoldurado, indica que o item APARAS é uma apara, não um item-filho propriamente dito.

Ao apontar uma operação que possui aparas, como no caso acima, é aberto um espaço para digitar a quantidade da apara:

Foram produzidos 2 milheiros de FL_PAPEL. Como cada milheiro pesa 1 kg, conforme especificado no peso unitário do item FL_PAPEL, o peso do produto foi de 2 kg.

A grade de apontamentos mostrará:

O percentual de aparas é calculado a cada apontamento de produção:

%aparas = 100% * peso das aparas / (peso do produto + peso das aparas)

onde:

  • peso das aparas: quantidade de aparas apontado * peso unitário líquido do item das aparas
  • peso do produto: quantidade de produto apontado * peso unitário líquido do produto

Em valores numéricos:

%aparas = 100% * 0,23 kg / ( 2 kg + 0,23 kg ) = 10,31%

Considerando que o material recebido pela operação foi transformado em produto e aparas, o percentual representa o peso das aparas sobre o total.

Foi também gerada uma movimentação de 0,23 kg de APARAS do estoque em elaboração para o estoque de subprodutos, pois APARAS recebeu, ao ser cadastrada como item, o destino contábil “Subproduto”, podendo ser encaminhado para reciclagem.